Arquivo da categoria ‘Artigos’

A vida, um presente de Deus!

Publicado: setembro 21, 2010 em Artigos

Por Ana Cláudia

Acho que todos sabem a sensação de fazer aniversário não é? E como explicar o que significa? Alguns dizem que fazer aniversário significa estar amadurecendo, há quem não goste muito do fato dos números irem aumentando (RS).

Acredito que todos gostem de comemorar,é bom estar reunido com as pessoas que gostamos, é bom lembrar como éramos, avaliarmos o que deve ser mudado ou não, e claro, quem não gosta de ganhar presente?

Talvez os irmãos ainda não saibam aonde quero chegar com isso, pois lhes direi agora: Deus nos deu um presente maravilhoso do qual podemos desfrutar todos os dias, e pór centenas de vezes não damos o devido valor:

NOSSA VIDA !

“Então, formou o Senhor Deus ao homem do pó da terra e lhe soprou nas narinas o fôlego de vida, e o homem passou a ser alma vivente”. ( Gênesis 2:7)

Você tem dado valor a este presente? Tem desfrutado dele a cada novo dia? Ou tem simplesmente se esquece dessa benção? Você recebeu este presente, então cuide dele com carinho, amor e cuidado, não o deixe jogado em qualquer lugar, mais o guarde em um lugar seguro.

Que a cada novo dia, você possa desfrutar deste presente e através de seu testemunho ensine as pessoas a desfrutar a vida com sabedoria e temor à Deus.

Beijo grande,

Irmã Ana Cláudia

Anúncios

Por Fábio Cogo

É muito natural ao tomarmos decisões em nossas vidas que muitas dúvidas apareçam. Ficamos tensos, sofremos, uma sensação difícil de explicar toma conta de todo nosso ser por não saber que direção tomar.

Com os mais jovens, ou melhor, os adolescentes e os que estão entrando na fase adulta, essa situação de desconforto parece ser ainda pior, pois dentro deles fica complicado lidar com a transição de passar de crianças para adultos.

É por isso, que as pessoas mais influentes, como os pais, professores, líderes espirituais devem estar preparados para poder ajudá-los nesse momento tão difícil de suas fases.

Eu poderia citar aqui alguns vários exemplos que esses jovens têm de enfrentar nessa faixa entre os 12 e 20 anos de suas vidas: Saber em quem votar, a escolha de suas profissões, a escolha daquela ou daquele que será sua esposa ou marido, enfim muito mais situações que acontecem e que se o jovem não estiver primeiramente firmado nas Escrituras Sagradas, ele ou ela poderá ir por caminhos que no futuro certamente lhes trarão experiências não muito agradáveis e que poderá não ter mais retorno, ser tarde demais para querer voltar atrás.

Por isso, meus amados adolescentes, jovens, ou como queiram ser chamados, tenham sempre dentro de seus corações que, toda decisão a ser tomada deve ser feita serenamente, buscando a direção de Deus para saber se é esse o caminho a ser seguido e nunca fazer a escolha influenciados por pessoas estranhas e até mesmo por colegas que não são confiáveis, ou seja, que não tem uma boa conduta em suas vidas.

O decidir algo cabe a cada um de nós somente e o ser bem sucedido ou não é a conseqüência de que a decisão tomada foi a certa ou não, o tempo é que mostra, por isso pense muito bem para que não haja arrependimento mais tarde. Lembre-se que o Senhor Jesus é e sempre será o melhor Conselheiro para te ajudar a decidir o melhor para sua vida, seja qual for a área de conflito.

Queridos, que a paz do Senhor sejam com todos e que Cristo Jesus dê a vocês sabedoria para discernir o que é bom e o que é ruim.

Deus os abençoe!!

Um forte abraço,

Irmão Fábio

ESPECIAL DIA DOS PAIS DA PIEC – 02

Publicado: agosto 7, 2010 em Artigos

Ser pai, minha mais nova missão! 

Ser pai para mim é um sonho que se torna realidade, uma experiência maravilhosa!
Toda vez que eu converso com o bebê ou canto para ele, que levanto cedo e preparo o café da manhã e escolho alimentos que vão ajudá-lo em seu desenvolvimento, que oro por ele é uma alegria tão grande ver um sonho de muitos anos se realizando, não tenho palavras que expresse tamanha alegria.
No dia a dia como é surpreendente imaginar que um ser, que ainda não veio a este mundo pode deixar um pai tão babão e bobo!
Tem sido uma experiência muito boa para mim e uma motivação. Mais um presente de Deus para nós, para cuidarmos com amor e alegria.
Estamos super anciosos e alegres para conhecermos o nosso filho ou filha que esta chegando em Setembro próximo!
Estou muito feliz de ser pai e espero em Deus ser um bom pai!
 
É uma graça de Deus e louvo a ele por isto!
 
 
Por Zé, direto da Índia.

ESPECIAL DIA DOS PAIS DA PIEC – 01

Publicado: agosto 7, 2010 em Artigos

 

Aprendendo com Alguns Pais da Bíblia

SERMÃO EXTRAÍDO DO BLOG CRISTIANISMO TOTAL

www.cristianismototal.wordpress.com

Chegamos ao mês de Agosto, e como é costume neste mês, comemoramos o Dia dos Pais. É um momento especial onde nos reunimos como família para almoçar juntos e presentear os pais. Todavia, gostaria de deixar esta mensagem aos pais no sentido de que pudéssemos refletir sobre o que Deus espera de nós como pais. Pensei em alguns pais cujas histórias estão relatadas na Bíblia, histórias das quais podemos tirar lições para nossa responsabilidade paterna atual.

Quero começar com Abraão. Certamente Abraão foi uma influência muito positiva na vida de seu filho Isaque. Ensinou-o a temer a Deus e também lhe ensinou preciosas lições sobre a fé. Todavia, uma coisa que me chama muito a atenção em relação à vida de Abraão e que terminou sendo uma influência negativa da vida de seu filho, foi o fato de por duas vezes Abraão ter mentido, dizendo ser Sara sua irmã, quando na verdade era sua esposa (Gn 12.10-20; 20.1-18). Embora possivelmente Isaque ainda não fosse nascido quando Abraão mentiu quanto à sua esposa Sara, esta atitude de Abraão foi uma influência negativa da vida de seu filho. Isaque deve ter ficado sabendo deste comportamento de seu pai, pois anos depois, submetido a uma situação de pressão, Isaque imitou seu pai cometendo o mesmo erro, ou seja, mentindo sobre o fato de Rebeca ser sua esposa (Gn 26.6-11). Através deste exemplo podemos ver como os filhos imitam os pais em suas ações, tanto positivas como negativas.

Outro pai interessante foi o patriarca Jacó. Teve doze filhos, e seu erro, que lhe custou muita dor, foi o fato de dar preferência a um de seus filhos, no caso José, em detrimento dos outros. Por causa desta preferência de Jacó em relação a José, os irmãos de José, tomados de ciúmes, o venderam como escravo ao Egito, e simularam sua morte para o pai Jacó que por muitos anos sofreu a perda do filho, achando que este estivesse morto (Gn 37.2-35). Esta história é uma lição para nós hoje. Nós pais, devemos evitar a parcialidade paterna, ou seja, devemos amar a cada um de nossos filhos da mesma maneira, evitando dar preferência para um em detrimento de outro, sob pena de sofrermos muitas dores no futuro.

O exemplo de Josué como pai, é o exemplo do líder do lar que está decidido a levar sua família a servir ao Senhor. Em seu discurso buscando levar o povo a renovar sua Aliança com Deus, Josué disse: “… escolhei hoje, a quem sirvais … Eu e a minha casa serviremos ao Senhor” (Js 24.15). Infelizmente, temos visto hoje muitos pais que não estão nem um pouco interessados em conduzirem suas famílias de forma firme no sentido de servirem ao Senhor. Esta atitude certamente trará tristes resultados no futuro. Como precisamos de homens com a atitude de Josué em nossos dias!
Samuel, também nos traz uma história a ser considerada. Quando criança, Samuel foi usado por Deus para repreender o sacerdote Eli quanto à maneira errada que ele criara seus filhos e quanto ao fato de como Eli era negligente em relação aos pecados de seus filhos (1 Sm 3.1-18). Todavia, embora Samuel tenha sido um grande profeta, sacerdote e juiz em Israel, Samuel caiu no mesmo erro que o Senhor lhe tinha usado para repreender o sacerdote Eli, ou seja, falha na criação de seus filhos (veja 1 Sm 8.1-3). Que como pais, tomemos este exemplo e não venhamos a falhar na criação de nossos filhos para evitarmos dores futuras. Devemos criar nossos filhos na disciplina e admoestação do Senhor (Ef 6.4).

Permita-me agora falar sobre Jó, um pai exemplar, um pai sacerdote. Jó é o exemplo de um pai intercessor, que sempre se preocupava com o bem estar espiritual de seus filhos diante de Deus, um pai que orava e clamava por seus filhos. O texto bíblico nos diz: “… chamava Jó a seus filhos e os santificava; levantava-se de madrugada e oferecia holocaustos segundo o número de todos eles … Assim o fazia Jó continuamente” (Jó 1.5). Que à semelhança de Jó, nós como pais possamos ser intercessores de nossos filhos e verdadeiros sacerdotes de nossos lares!
Quero encerrar esta reflexão, lembrando de um pai que representa o próprio Deus, que deve ser nossa inspiração máxima com pai. O pai do filho pródigo, da memorável parábola contada por Jesus, é o exemplo de um pai amoroso, gracioso e perdoador (Lc 15.11-24). Apesar de seu filho tê-lo desprezado, pedindo sua parte na herança antes de seu falecimento, e tê-lo abandonado, gastando todo o seu dinheiro de forma dissoluta, o pai esteve de braços abertos para recebê-lo de volta e perdoá-lo quando o filho voltou arrependido. Esta história ilustra o amor de Deus para conosco, que está sempre pronto a nos receber de volta, mesmo depois de nossos desvios. Que como pais, procuremos imitar o pai do filho pródigo, ou seja, imitar o próprio Deus: que sempre estejamos de braços abertos para acolher nossos filhos e ampará-los em seus momentos de necessidade, de vergonha, de dor e até mesmo de desvio. Que o Senhor Deus nos ajude a sermos pais segundo o seu coração. Feliz Dia dos Pais e que Deus nos abençoe!

Pr. Ronaldo Guedes Beserra.

PROMISERVOS – Ai que saudades!!!

Publicado: julho 26, 2010 em Artigos
Pela segunda vez Deus me proporcionou ir ao Promiservos, agora que retornei, já estou com saudades das pessoas que conheci e que nos acolheram tão bem , passamnos um tempo de plena comunhão com nossos irmãos da igreja e durante a toda a tarde, evangelizávamos. Logo ao acordar tínhamos um devocional individual, o culto de manhã.
O Promiservos é uma experiência incrível, apesar de ser a segunda edição que participo,  pude fazer mais amizades, conhecer mais as pessoas.
É claro que tudo o que aprendemos lá não deve ficar só na memória, devemos nos preocupar em ganhar almas no nosso dia a dia, e acima de tudo cuidando de nosso próprio devocional.
As oficinas também nos permitiram  aprender mais. Lá encontrei muitos jovens a fim de crescer espiritualmente, enfim, pessoas carinhosas, alegres, divertidas e que estão a serviço do Senhor.
Já morrendo de saudades,
Um grande beijo,
Irmã Ana Claudia Siqueira

Deslumbradas nós?

Publicado: julho 20, 2010 em Artigos

 

Oi amados, ou melhor, amadas de Jesus, mais uma vez pedimos licença para falar de algo muito sério, algo que alem de desagradar a Deus e o Espírito Santo, pode trazer graves consequências a nossa vida: O DESLUMBRAMENTO!

Os efeitos desse comportamento são devastadores. Hoje em dia, em todo o lugar: na rua, na escola, na faculdade, na sua própria casa e até mesmo na igreja, podemos encontrar garotas com o ego inflado, cheias de si, que se julgam melhores que os outros, não medindo esforços e nem limites para alcançar seja lá o que for.

Nosso propósito aqui não é julgar ninguém, ao contrário, sabemos das empreitadas do inimigo, e nessa idade, fim da infância, adolescência e juventude, onde o Espírito Santo está fortemente trabalhando em nossa personalidade, é que devemos mais que nunca vigiar nosso posicionamento em relação a esses assuntos.

Muitas jovens se deixam envolver com a possibilidade de uma vida melhor, de riquezas, de dinheiro para comprar o que quiser e bem entender: baladas, roupas caras, beleza, bagunça, entre outras coisas. Para alcançar esses objetivos elas usam o próprio corpo, se expõem e oferecem sua própria vida como moeda de troca.

Nosso corpo é santuário do Espírito Santo: “Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?”(1 Co 6.19)

É tão lógico: O MUNDO QUER MESMO QUE PERDAMOS NOSSA INOCÊNCIA, NOSSA COMUNHÃO COM DEUS, QUE DESAGRADEMOS A JESUS.

Acompanhe: reality shows, concursos de modelos, namorados ricos e famosos… Quanta exposição! Precisamos realmente disso? É esse reconhecimento que buscamos?

SOMOS FILHAS DE DEUS, FLORES DE JESUS, DEVEMOS EXALAR O PERFUME DE NOSSO AMADO SENHOR!

Amigas, nos vigiemos umas as outras, a fim de não nos perdermos, de conservarmos nossa comunhão com Deus, isso sim é PRECIOSO e vale nossa vida.

Continuemos todas esperando no Senhor, confiando nas suas promessas! Ele é fiel e nos sustenta!

Beijos,

Irmã Suell

Promiservos Inverno 2010

Publicado: julho 10, 2010 em Artigos

Amados, na última quinta-feira, 08/07, nossos irmãos embarcaram para mais um PROMISERVOS, desta vez o encontro acontece na região de Caminho das Águas em Parelheiros.

Lá estão o Pastor Ronaldo e a Pastora Simone, a Gabi, o Gui e o Guga, e nossos amados irmãos Carlinhos, Leandro e Neto, além de outros mebros da PIEC.

Se você não conhece o PROMISERVOS, acesse agora: http://cristianismototal.wordpress.com/servos/ e conheça essa instituição que prepara missionários para atuar em todas as partes do planeta, cumprindo em nome de JESUS o IDE!

AGUARDEM AS FOTOS DESSA GALERA ABENÇOADA!